sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Amizade


A amizade é preciosa,
mas não é dizer apenas sim,
que com palavra enganosa,
há falsos amigos de mim.
Amigos de conveniência,
estão ali por breves momentos,
amigos de ausência,
fogem dos meus tormentos.
Amigos que viram costas
sempre que mais precisamos,
amigos de quem gostas,
com os que mais nos enganamos.
Amigos de circunstância,
que te aguentam enquanto ris.
Mas que depois vão com a distância,
quando simplesmente já não sorris.
Amigos de profissão,
cujo objectivo é descobrir
os teus pontos fracos
para com eles subir.
Amigos dos teus bens,
que te dão tanto sem pedir,
mas que quando nada tens,
estão prontos a partir.
Amigos que te enganam,
aqueles que gostam de te apoiar,
que com palavrinhas te acalmam,
mas que te querem tramar.
E quando estás no apogeu
das tuas vitórias na vida,
o maior ciúme é o seu,
gente de inveja roída.

Isto tudo não é amizade,
não é dar sem nada esperar,
não é elogiar sem com nada contar,
sentir a ausência e a saudade.
Isto não é amizade,
é um acto de cobardia,
para quem não se entrega e não sabe
que a amizade é alegria.
Alegrar-me pelos meus queridos,
mesmo estando muito triste,
são sentimentos merecidos
da amizade que persiste.
E um amigo verdadeiro,
não tem inveja, fica feliz, insiste,
é amigo por inteiro.

Mas, para além do que é bonito
de se dizer ou fazer,
um amigo também diz
coisas que nos fazem sofrer.
Os amigos abanam-nos
para nos chamar à razão,
mas não nos deixam de falar
até entenderem a nossa motivação,
o que nos levou a falar
a protestar, a objectar,
porque um amigo a sério,
perante uma atitude errónea,
é capaz de dizer não
mesmo que fique com insónia.

Ser amigo é ser capaz
de perdoar o que não tem perdão,
mas é também fazer finca-pé,
chamar o amigo à razão
e saber dizer não!

Não é ser amigo de sangue,
mas amigo de coração.

7 comentários:

  1. A amizade é também uma forma de auto-superação, pois muitas vezes fazemos pelos outros aquilo que não fazemos por nós mesmos. Por isso, egoísmos à parte, devemos também e ser capazes de nos reconhecer-mos a nós próprios como o melhor amigo que temos nesta vida, e reservar sempre para ele a maior fatia do altruísmo e da compaixão...

    Bom ano de 2011

    ResponderEliminar
  2. Se não formos amigos de nós próprios, dificilmente o seremos dos demais. Um comentário muito pertinente e interessante!

    ResponderEliminar
  3. oie, vim avisar q mudamos de endereço, agora estamos no http://motherheadbanger.blogspot.com/
    bjssss

    ResponderEliminar
  4. senti exatamente o q vc quis passar com esse texto...

    ResponderEliminar
  5. AMIGA...realmente para ser amigo de alguém tem que se ter a capacidade de saber ouvir sem criticar,saber as motivações e... respeitar. Obrigada por fazeres parte dos meus amigos.

    ResponderEliminar
  6. Belinha, tu és realmente uma verdadeira amiga e amiga verdadeira! Muito beijos.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...