sexta-feira, 13 de maio de 2011

Preto



Cor de contrastes…
A negro pinto a fome
que consome tanta gente,
cada vez mais gente…
Pinto os meus amigos de África
que me faziam rir,
meus companheiros de brincadeiras.
Pinto o luto,
espelho da escuridão da alma
que sofre com a perda de alguém.
Pinto uma longa e bela trança,
negra-azulada
a escorrer brilho por ela.
Pinto a terra fértil
onde proliferam árvores de fruto.
Pinto a diferença,
o racismo, a xenofobia.
Pinto a noite,
os sonhos e as ilusões,
as paixões dos amantes,
a inspiração…

4 comentários:

  1. Tantas coisas podem ser pintadas, outras riscadas com o preto...Lindo! beijos,chica

    ResponderEliminar
  2. Vamos sempre pintar o que for de melhor....
    Gostei daqui também e já pousei ali nos seguidores! Grata por sua passada de olhos lá no meu canto,,,

    bjss

    Catita

    ResponderEliminar
  3. Pinto a diferença,
    o racismo, a xenofobia.
    Pinto a noite,
    os sonhos e as ilusões,
    as paixões dos amantes,
    a inspiração…
    Esse poema é lindo demais.
    Todos nós devemos ler e pintar a vida mais colorida .
    Pintar a vida com amor ter como exemplo seu poema.
    Um carinhoso beijo um final de semana lindo beijos,Evanir..
    www.aviagem1.blogspot.com

    ResponderEliminar
  4. Vim agradecer-lhe pela visita. Seja benvinda! Sinta-se sempre à vontade e volte sempre! Também irei te seguir. e te convido a conhecer meus outros blogs: http://anabelanacasadavovo.blogspot.com/ http://mulheresmodernasxmulheresprendadas.blogspot.com/

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...