sexta-feira, 27 de abril de 2012

Poesia, a redescoberta dos sonhos


Domingo, fim de tarde.
Um homem sentado
num banco de jardim
que dá para o mar.
Não contempla o horizonte,
lê um jornal pensativo.
Horas repetidas
repousam em notícias
mesmas de três dias repetidos,
mesmas em jornais consecutivos.
Nos seus olhos
mora o reflexo da atualidade,
tristezas, desastres, catástrofes,
realidade nua,
demasiado crua.
Burlas, vigarices, desvios,
pobreza, fome, incerteza.
Nos seus olhos
há cansaços,
há sonhos por concretizar,
projetos por realizar.
Cansados, os seus olhos
fecham-se por um momento.
E em breve sonho agitado
surge o poeta
devolvendo-lhe sonhos perdidos,
revelando-lhe sentimentos esquecidos,
momentos adormecidos...
A realidade suaviza,
a crueldade ameniza
e até o sol ganha reflexos cor-de-rosa
no horizonte.
O homem dobra o jornal,
sorri porque redescobriu o sentido da vida.

27 comentários:

  1. Quanta beleza por aqui...O deixar pra trás as tristeza, tristes notícias e tragédias do mundo em que vivemos e se entregar às asas do0 sonho e poesia.Linda transformação! Parabéns mais uma vez! beijos,chica

    ResponderEliminar
  2. oi Celia,

    mesmo que tardia,
    a descoberta das cores no céu,
    nos enche o coração de esperanças...

    beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Nesses repentes que descobrimos o quanto nossa vida é valiosa e ficar parado não é o caminho, seguir em frente, sempre, a vida segue seu curso e temos que interagir com ela, pois és sempre bela, beijos e bom dia

    ResponderEliminar
  4. Olá,Célia!!

    Que lindo querida!!!Por mais que seja difícil é preciso deixar brotar a esperança dentro de nós!
    Assim sentimos o sentido da vida!E vamos seguindo!
    Sempre renovando!!!
    Beijos pra ti!!!
    Bom final de semana!

    ResponderEliminar
  5. Oi Célia,
    Adorei o poema. O sentido da vida está além das notícias ruins dos jornais.
    Beijos 1000 e um final de semana maravilhoso para vc.

    SORTEIO “Chá do Chapeleiro Maluco”
    http://www.gosto-disto.com/2012/04/sorteio-cha-do-chapeleiro-maluco.html

    ResponderEliminar
  6. Boa tarde, querida amiga Célia.

    QUE POEMA LINDO!!
    AMEI... AMEI!!
    SINTETIZOU A VIDA...

    BEIJOS.

    ResponderEliminar
  7. Boa tarde Amiga,
    Que poema mais lindo.
    Dentro das noticias do jornal ainda podemos encontrar a esperanças de um novo amanhecer coberto luz e lindas cores!
    Tenha um lindo fim de semana! Abraço amigo
    maria Alice

    ResponderEliminar
  8. Celia,sua poesia sempre muito linda e tocante!Gostei demais!Bjs,

    ResponderEliminar
  9. Lindo isso, Célia!

    Que este espírito poeta possa surgir ou ressurgir em nossa alma toda vez que o desalento tomar nossos corações.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  10. Linda a redescoberta que abre outras portas e janelas belas...

    Beijos Célia e boa noite!!

    ResponderEliminar
  11. ¸.º°❤
    °º✿ Olá, amiga!
    É porque a felicidade só existe dentro de nós.
    BOM FIM DE SEMANA!

    ¸.•°`
    °º✿ Beijinhos.
    º° ✿ ✿ Minas

    ResponderEliminar
  12. Essa fotografia fez-me lembrar um senhor que vi um dia no alentejo. Só que não estava a ler o jornal. Estava a olhar para o que o rodeava e tinha um olhar tão triste...
    Enfim...
    Bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  13. what a precious poem and words!

    i love your blog!

    bom fim de semana.

    saludos!

    ResponderEliminar
  14. A é um eterno espectáculo querida Célia senão fecharmos as cortinas. Olá amiga tudo bem ai do outro lado da tela? te desejo u final de semana de luz e paz junto aos teus. Ah! A Ilha vai brincar com as mães, teremos as brincadeiras caça ao coração de mãe e a colcha de retalhos, vais participar de alguma? Te espero na Ilha ou no chatilhando. beijos perfumados no coração.

    ResponderEliminar
  15. Uma linda e tocante poesia!

    Um ótimo fim de semana Célia.

    Beijos

    ResponderEliminar
  16. Célia que lindo isto, de uma imagem até corriqueira você fez um senhor poema, isto se chama talento, parabéns beijos Luconi

    ResponderEliminar
  17. Voltei pra agradecer o carinho!beijos,boa noite!chica

    ResponderEliminar
  18. Olá Célia
    Ainda bem que existem os poetas para encher os nossos corações de sonhos...
    Parabéns mais uma vez pelo lindo poema!
    Beijos com carinho e uma ótima semana
    Maria Luiza

    ResponderEliminar
  19. Olá, Célia, estou de volta aos blogues, aproveitando o feriado prolongado e essa chuvinha que cai sem pausa, deixando um ambiente agradável para a poesia...

    A poesia tem mesmo essa capacidade de nos alegrar, de colocar colorido em tudo e amenizar o que é terrível...

    A poesia está contida em todas as situações e é por isso que o poeta consegue viver...

    Um grande beijo e obrigada pelo carinhos...

    Beijos
    Chris

    ResponderEliminar
  20. Bela mensagem.O maravilhoso da vida é que tudo pode mudar.BEIJOS

    ResponderEliminar
  21. Olá,Célia!!!!

    Tenha um ótima semana,minha amiga!!!!
    Muito obrigada pelo carinho!!!
    Beijos pra ti!
    Até sexta!

    ResponderEliminar
  22. Minha querida

    Por vezes apenas uma simples palavra...um olhar mais atento e a solidão fica desvanecida.
    Lindo o teu poema, como sempre.

    Deixo um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  23. Amei os cachorrinhos, tenho três poodle não vivo mais sem nenhum deles, amo demais.
    http://depoisdopouco.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  24. OI CELIA GIL!
    O MILAGRE DE UMA BOA LEITURA...
    A POESIA OPERA NA ALMA, FAZENDO COM QUE SEU LEITOR EMBARQUE EM SUA FANTASIA.
    ABRÇS

    http://zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderEliminar
  25. Redescobrir é seguir em frente, beijo Lisette

    ResponderEliminar
  26. eu amei seu blog... lindo mesmo... depois se poder da uma passada no meu agradeço... bjs http://intensevery.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...