sexta-feira, 13 de junho de 2014

Luta diária

Célia Gil
(imagem do Google)

Às vezes sem fé
continuo o meu caminho,
faço mesmo um finca-pé
à procura do destino.

Às vezes sem norte
ando de costas pró sul
e não sei se é por sorte
mas encontro o meu azul.

Às vezes sem cor
pinto um mundo colorido,
não deixando a minha dor
invadir o meu abrigo.

Às vezes chorando
vou rasgando um sorriso,
porque assim vou libertando
o meu pássaro ferido.

Às vezes desarmada
faço frente a duras guerras,
numa carta mal jogada
vou vencendo primaveras.
                                 Célia Gil

Célia Gil / Professora

É professora de português e professora bibliotecária. Gosta de ler e de escrever. Este é o seu espaço de partilha de alguns textos que escreve.

15 comentários:

  1. Que maravilha de poesia,Célia! è bem assim mesmo. Na vida passamos por vários momentos e situações.No entanto, seguimos firmes...Assim devemos fazer! beijos,tuuuuuudo de bom e é sempre com alegria que te vejo chegando! chica

    ResponderEliminar
  2. e em uma primavera verão venho matar a saudade... Olá amiga vindo te dá um abraço e te convidar a participar do 9º Ostra da Poesia, seja como poetisa ou votante. Não será agora, mas quem cedo madruga Deus ajuda *gargalhadas*. É um convite spam, sorry, mas tenho muitos bloguxos para visitar. Beijos no coração.

    ResponderEliminar
  3. olha eu aqui outra vez :-) Olá amiga passando rapidinho para avisar que de hoje até o dia 06 de julho estarei recebendo as poesias para o 9º Pena de Ouro, lembrando que as 20 primeiras é que serão selecionadas. Caso não deseje participar da brincadeira como poetisa conto com tua presença a partir do dia 12/07 para a votação. Um enorme beijo no coração (ISSO É UM SPAM KKKKKKK)

    http://ostra-da-poesia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  4. Olá amiga. Venho renovar o convite para participar do 9º Pena de Ouro, até amanhã estarei recebendo as poesias. Caso não deseje participar da brincadeira como poetisa espero contar com a tua presença a partir do dia 12/07 para a votação. Um enorme beijo no coração

    http://ostra-da-poesia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  5. Boa noite amiga!
    Que linda poesia.
    Dentro da dor
    ainda consegue colher a mais bela flor.
    o Amor
    abraço amigo
    Maria Alice

    ResponderEliminar
  6. Vim te ver e deixo um beijo!Saudades! chica

    ResponderEliminar
  7. Lambendo ainda as feridas pela passagem do meu paizinho venho te convidar para votação da final do 9º Pena de Ouro... A vida continua e o tempo não para, por isso decidi reativar o concurso/brincadeira, que foi interrompido, quando papai quis ir fazer uma festa no céu. Então venha brincar comigo e os blogueiros que heroicamente não deixam a blogosfera fenecer. Um enorme beijo no coração.

    http://ostra-da-poesia-as-perolas.blogspot.com.br/

    Desculpe passar tão rápido pela tua casa e nem sentar e saborear teu post... O tempo urge e tirei o dia para convidar a blogosfera, depois volto com calma e te afago.

    ResponderEliminar
  8. Voltei pra te ver e matar as saudades! Onde andas? Tudo bem? um beijos,chica

    ResponderEliminar


  9. Sua amizade sempre foi muito importante para mim
    sem duvidas acredito ter lutado muito nesses anos
    embora poucos estavam comigo a quase dez anos atrás.
    Hoje estou passando para deixar um
    pouco do perfume que ficou no frasco.
    Embora tenha capacidade de entendimento,
    que passado é perfume de primaveras mortas.
    Agradeço por tua amizade tão especial,
    e por me fazer sentir que ainda sou
    alguém com quem você se importa.
    Deus te abençoe ..sempre..
    Um abraço grande ,
    e especial.
    Com muito carinho.
    Evanir.
    Tenha uma linda ,
    e abençoada semana..
    Eu amo vir a seu blog gosto imenso.
    Em 14 de Julho 2013..
    Hoje posso chamar de ano dourado..
    Estou matando saudades!!

    ResponderEliminar
  10. Faz tempo que leio no teu blog, somente agora após abrir o meu, estou aqui te seguindo. Te aguardo lá no meu!... Abraço

    ResponderEliminar
  11. Vim te ver e dizer das saudades! Volta logo! bjs, chica

    ResponderEliminar
  12. Minha Amiga Onde andas e como estas?
    Eu fico pra me acabar quando uma pessoa tão especial na minha vida derrepente fica em silêncio .
    Que Deus de cubra de benção .
    beijos e saudades.
    Evanir

    ResponderEliminar
  13. Voltei pra te ver e dizer das saudades! Onde estás?Tudo bem contigo?bjs, chica

    ResponderEliminar
  14. Nossssssssssssssssssssa por onde anda minha amiga. Hoje venho aqui para te convidar a participar da 10ª Edição do Pena de Ouro seja de qual forma for, com uma poesia ou votando quando a brincadeira começar, o que importa é sentir teu perfume invadindo o Ostra da Poesia. Este é um convite spam, mas saibas que o desejo de te vê no Ostra é verdadeiro. Beijos no coração. http://ilha-da-lindalva.blogspot.com.br ****** http://ostra-da-poesia.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  15. Um encanto em cada palavra!
    ...as vezes um simples gesto, nos encanta.
    Vc é encatadora!
    Beijinhos no ♡

    ResponderEliminar

Coprights @ 2017, Histórias Soltas Presas Dentro de Mim Designed By Templatein | Histórias Soltas Presas Dentro de Mim