segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Histórias de embalar

Célia Gil
(imagem do google)

Sussurra ao ouvido histórias antigas,
Feitas de sonhos, amor, ilusões,
Histórias que enaltecem emoções
Histórias que nunca mais serão esquecidas.

Embala-me ao som de antigas canções,
Até me lembrar de quem fui um dia
Um dia em que fui criança e magia
Quando acreditava nas orações.

E quando o sono tranquilo vier
Deixa-me dormir pela eternidade
Acreditar em tudo o que eu quiser

Para que o sonho se torne verdade
Bebendo o néctar de um licor qualquer
Renascendo a crença na realidade.
                                            Célia Gil


Célia Gil / Professora

É professora de português e professora bibliotecária. Gosta de ler e de escrever. Este é o seu espaço de partilha de alguns textos que escreve.

26 comentários:

  1. Tão bom quando podemos lembrar de nossos sonos e sonhos embalados por magia, encantamento, lindas histórias...

    Lindo aqui! beijos,tudo de bom,boa noite!chica

    ResponderEliminar
  2. Lindo. "... histórias antigas,
    Feitas de sonhos, amor, ilusões,
    Histórias que enaltecem emoções
    Histórias que nunca mais serão esquecidas." As histórias marcam nossa vida. Bjs

    ResponderEliminar
  3. Olá,Célia!!

    Uma poesia que é pura ternura!!!!!Lindo querida!!!
    E a imagem...completa!
    Beijos!!!

    ResponderEliminar
  4. Célia querida,

    esse texto é lindo e delicado...

    tão bom poder reviver histórias, sonhos e as emoções que td isso traz...

    tão bom voltar a ser criança nem que seja por uma fração de segundos...

    mas bom de verdade mesmo, é a gente não deixar que se apaga essas lembranças e nem deixar que a criança desapareça de nós...

    ótima terça...

    e que seu 2012 seja repleto de coisas boas!...

    ResponderEliminar
  5. Muito lindo minha querida, realmente inspirador...
    Feliz seja seu dia, beijos,
    Valéria

    ResponderEliminar
  6. Célia, é uma delicia ler-te!

    Beijos,
    AL

    ResponderEliminar
  7. Oi Célia,
    O poema é tão terno. Amei!
    Beijos 1000 e uma 3ª-feira maravilhosa para vc.

    www.gosto-disto.com

    ResponderEliminar
  8. É sua amizade que desejo lembrar para sempre e estará sempre em meu coração,
    mantendo-nos aquecidos, fortalecidos e segura de que nunca estarei sozinha.
    E é assim que eu guardo você
    Minha linda Amizade.
    E é assim que eu quero guardar...
    Como alguém que estará longe, mas sempre lembrará de mim.
    Obrigada pelo carinho nesse um ano de Viagem comigo.
    Obrigada por estar do meu lado sempre sem notar meus defeitos
    me aceitando como sou.
    Sei que deixo muito a desejar em responder a sua visita
    mais tenho cada amigo e amiga no coração.
    Me perdoe por levar uma unica mensagem para visita
    infelizmente minhas mãos não ajuda .
    Porem me sinto feliz e recompensada por todos entender minha situação.
    Na postagem tem uma presente desse dia tão feliz para mim
    ficarei feliz em encontra-lo no seu blog.
    Obrigada ,Deus esteja com todos nos nessa jornada
    que Deus me permita estar contigo por muitos anos ainda.
    Beijos e carinhos.
    Evanir

    ResponderEliminar
  9. Olá Célia

    Adorei sua visita e já estou te seguindo, obrigada. Ficarei feliz se me seguir também.

    BJ000000000................
    www.amigadamoda1.com

    ResponderEliminar
  10. Célia,
    quanta suavidade!
    Me senti embalada como em uma canção de ninar!

    Uma boa quarta-feira!!

    Beijinhos,
    Carol
    www.umblogsimples.com

    ResponderEliminar
  11. Olá,Célia!!!

    Tenha um ótimo dia querida!!!
    Beijos!
    Tudo de bom!

    ResponderEliminar
  12. QUERIDA!
    POESIA DOCE E ACONCHEGANTE!
    BEIJINHO E OBRIGADA PELO CARINHO LÁ NO TRÉSORS

    ResponderEliminar
  13. Que saudades, amiga, so sono solto e profundo de criança.
    Lindo o poema.
    Beijo

    ResponderEliminar
  14. Celia,que poesia gostosa de ler!Parece mesmo canção de ninar!Amei!bjs,

    ResponderEliminar
  15. Olá Célia,

    Belíssimo o soneto!
    Também deliciei-me ao lê-lo.
    Você é fantástica no versar!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  16. Minha querida

    Gostei de ler a tua alma e os teus sentimentos, neste belo poema.
    Deixo um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  17. Célia meu anjo, hoje lá no meu blog voltei a ser criança me fez um bem danado, depois venho aqui e encontro este sonho de poesia, como eu queria voltar a ser embalada assim, com canções de ninar, sonhando com os anjos, acreditando que no final o bem sempre vence o mal, beijos e obrigada por tão belo texto Luconi

    ResponderEliminar
  18. Que lindo blog e poesia moça, que renasça sempre em nossos corações essas poesias lindas, como as suas. Abraços

    ResponderEliminar
  19. Bom dia,querida Célia!!!!

    Tenha um ótimo dia!!!!
    Beijos!!!

    ResponderEliminar
  20. Oi Célia, que linda poesia, acho que todos temos que nos integrar com essa criança que habita em nós, nos faz sentir livres e cheios de esperança.
    Beijos pra ti!

    ResponderEliminar
  21. Célia, que lindo, vou mandar para minha filha......Bjks....Gil

    ResponderEliminar
  22. Linda do meu coração!
    Seu poetar nos inspira com força total...
    bjs minha linda flor!

    ResponderEliminar
  23. Célia,
    passando para desejar uma excelente sexta-feira! \o/

    Abraços carinhosos,
    Carol
    www.umblogsimples.com

    ResponderEliminar
  24. Bom dia,Célia!!!

    Vim desejar um ótimo final de semana,bem traquilo, depois de uma semana com tantas tarefas né?!Um descanso bem merecido!!!beijos querida!!
    Até segunda!

    ResponderEliminar
  25. Todos possuem uma criança dormindo dentro de si.
    Com certas cantigas e recordações que nos levam ao passado, ela é capaz de despertar de seu sono tão profundo.'
    Lindo, Célia!

    Beijos!

    ResponderEliminar
  26. º°❤ É tão bom recordar os momentos felizes da infância!
    Bom fim de semana!
    Beijinhos.
    Brasil
    °º✿
    º° ✿ ✿⊱╮

    ResponderEliminar

Coprights @ 2017, Histórias Soltas Presas Dentro de Mim Designed By Templatein | Histórias Soltas Presas Dentro de Mim