sexta-feira, 3 de junho de 2011

Tristeza




A tristeza
é uma casa vazia
de sentimentos
e de memórias.
É uma janela fechada
poeirenta e empenada.
Cheira a mofo,
à naftalina das ausências.
É um adeus à chegada,
uma meta esquecida,
o que resta do nada.
É uma estrada por galgar,
um passo atrás
no caminho da esperança.
É não saber amar
por não ter amor para dar.
É a derrota sem aposta,
é o fracasso sem luta,
é a queda antes de se levantar.

A tristeza
é o fado por cantar,
a lágrima por cair,
o sorriso por libertar.

É um modo de se anular.
                        Célia Gil

4 comentários:

  1. A tristeza pode ser também
    um momento de singular recolhimento
    e como tal, vivida intensamente

    a intensificar no outro instante
    a alegria

    Abraço!

    Marlene Edir Severino

    ResponderEliminar
  2. Oi, Célia
    Discordo um pouco ou totalmente da Marlene. Acho a tristeza um sentimento inútil, não serve pra nada. Concordo com o que vc postou, lembra naftalina, mofo, derrota e outras coisas pouco edificantes. Legal discutir o tema,pq às vezes esses sentimentos nos perseguem e a eles não devemos dar a mínima importância.
    Te adoro, minha linda!
    Sabe, estive pensando: tenho que tomar cuidados extremos ao redigir meus comentários aqui pois estou me relacionando com uma Professora de Português, de Portugal!!! Aff!!! (rsrsrs...) Tenho a vc, também por isso, o maior respeito e admiração. Além do mais, meu pai era um português maravilhoso, só que veio pro Brasil, e antes de ser advogado, foi um professor de inglês muito querido!
    Um belo fim de semana, iluminado e abençoado. Bjkas com muito carinho!

    ResponderEliminar
  3. A triteza faz parte da nossa vida, há dias cinzas e não podemos negar isso, negar esse sentimento, nesse momento é bom parar, refletir tentar saber o porquÊ de nossa tristeza...
    Um ótimo findi!
    Beijosss

    ResponderEliminar
  4. Então venha daí um fado cantado em Brasileiro que deve ser bem bonito...

    Gostei muito do poema escolhido...
    Parabéns...

    bom domingo...

    Saudações poéticas do Porto-Portugal

    ZezinhoMota

    A Poesia do Zezinho II http://zezinhomota1.blogspot.com

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...