quinta-feira, 7 de julho de 2011

Lágrima

Célia Gil

Célia Gil / Professora

É professora de português e professora bibliotecária. Gosta de ler e de escrever. Este é o seu espaço de partilha de alguns textos que escreve.

11 comentários:

  1. LINDO!!! CONCORDO,(COM TODA SUA FORÇA TRAZENDO UMA TORRENTE, DE SENTIMENTOS INCOMTROLÁVEIS E INESGOTÁVEIS,) E SÓ DEUS TRADUZ CADA LAGRIMA.
    CÉLIA QUERIDA UMA BELÍSSIMA TARDE!!!
    ABRAÇOS CHEIO DE PAZ.
    DIANA

    ResponderEliminar
  2. Me arrependo amargamente por ter chorado tanto em minha vida, as rugas aparecem mais cedo...kkkkk. Prefiro viver sorrindo pois já derramei todas as minhas lágrimas. Lindo Célia, gostei muito.

    Veja, essa votação é só para aqueles que ficaram na final. O segundo será no mês de agosto. Em agosto participe também, ela disse que já vai guardar a que mandei. bjos.

    ResponderEliminar
  3. Foi a definição de lágrima mais linda que já li.

    ResponderEliminar
  4. Adorei sua reflexão! Admiro muito sua maneira de articular palavras, mostrando de com singelas palavras o sentimentos expresso no arfar dos olhos transbordando sentimentos sinceros.

    ResponderEliminar
  5. Celinha
    Perfeita a analogia!
    Bjkas com carinho!

    ResponderEliminar
  6. Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Nayara e cheguei até vc através do Blog Cantinho da Júún. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir um blog do meu amigo Fabrício, que eu acho super interessante, a Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. A Narroterapia está se aprimorando, e com os comentários sinceros podemos nos nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs





    Narroterapia:

    Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.



    Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

    http://narroterapia.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  7. Lágrimas são os estremos de siceridade de alegria e tristeza. Bjs

    ResponderEliminar
  8. PARABÉNS POR CADA FRAZE AQUI NO BLOG.
    ESTOU SEGUINDO .

    ResponderEliminar
  9. Muito belo e verdadeiro Célia querida.
    Gostei do formatoem cartão.
    Beijos e boa noite!
    Carla

    ResponderEliminar

Coprights @ 2017, Histórias Soltas Presas Dentro de Mim Designed By Templatein | Histórias Soltas Presas Dentro de Mim