quarta-feira, 13 de julho de 2011

Pequenos grandes gestos

Célia Gil

(imagem do Google)


Há pequenas coisas
que indiciam
o rumo que queremos
dar às nossas vidas.
Pequenos gestos,
como o de puxar o cabelo
para trás da orelha,
um carícia leve no rosto,
um roçar de lábios,
um piscar de olhos,
um elogio…
Dão sentido à nossa vida.,
completam-nos
e dão-nos segurança.
É a cumplicidade
a protagonizar
o romance da vida,
a transformá-lo
numa história de amor
que queremos eternizar.
                                   Célia Gil




Célia Gil / Professora

É professora de português e professora bibliotecária. Gosta de ler e de escrever. Este é o seu espaço de partilha de alguns textos que escreve.

9 comentários:

  1. Sou totalmente a favor dos pequenos gestos (:

    ResponderEliminar
  2. Pequenos gestos mudam vidas...Lindo!beijos,chica

    ResponderEliminar
  3. Para fazer sorri não é necessário que crie-se um espetáculo.

    Adorei; abração.

    ResponderEliminar
  4. Preocumamo-nos com tantos problemas que esquecemos das coisas mais belas que a vida nos oferece., bjs

    ResponderEliminar
  5. Célia
    Pequenos gestos transformam-se em grandes momentos de felicidae!
    Deixei um selinho pra você lá no Amadeirado, na página "Selos & Cia." Beijokas e muito carinho!

    ResponderEliminar
  6. Pequenos gestos indicam grandes sentimentos, adorei. Beijos Célia.

    ResponderEliminar
  7. A vida é feita de nadas!

    É a velha metáfora da borboleta que bate as asas na China e provoca um cataclismo na Europa.
    Beijo,
    Nina

    ResponderEliminar
  8. às vezes nem pequenos, nem grandes!!!!!

    ResponderEliminar
  9. Vivo por eles amiga. São os que me fazem feliz!!!!
    Beijos,
    Carla

    ResponderEliminar

Coprights @ 2017, Histórias Soltas Presas Dentro de Mim Designed By Templatein | Histórias Soltas Presas Dentro de Mim